Nota11

Esta página tem por objetivo apresentar o material de 3.069 Cartões de Direito Constitucional do Nota11 na Versão Anki, disponível em:

https://go.hotmart.com/P18694696V

Apresentação do material

Olá, amiga(o) concurseira(o)! É com imensa satisfação que apresentamos este material aos concurseiros sedentos deste Brasil. Trata-se do legado de Vítor Cruz (“Vampiro“), uma das maiores autoridades em Direito Constitucional do país — autor de diversas obras de direito constitucional, professor por mais de 10 anos sobre essa disciplina em diversos cursinhos do país e fundador do site Nota11.

Recentemente, o Vampiro anunciou o fim dos seus trabalhos na área de concursos públicos, para infelicidade geral dos concurseiros. Atualmente, ele está focado no desenvolvimento e aperfeiçoamento das capacidades humanas, por meio de treinamentos e palestras.
Quem quiser saber mais sobre o atual trabalho do nosso eterno mestre, basta acessar este endereço:

http://www.ibecav.com.br/

Embora “aposentado” do mundo dos concursos, o legado de Vítor Cruz se mantém vivo. Todo o seu material foi cedido a Diego Degrazia, um dos mais renomados professores de Direito Tributário e Direito Constitucional no país. Nessa transferência de material, todas as fichas de Direito Constitucional do Nota11 cedida ao Degrazia, podendo utilizá-las como bem entender.

O Diego é o responsável por um dos melhores grupos voltados para concursos públicos do Facebook:

https://www.facebook.com/groups/578541478963432

O desafio agora era saber como manter todo esse acervo vivo e disponível aos concurseiros!

Para engrossar o caldo, eis que entra em ação Fernando Mendonça (vulgo “Akilez“), autor do site https://devoltaaprancheta.com.br/, especializado em Aprendizagem Acelerada, e a primeira pessoa a escrever um artigo de forma clara e objetiva sobre a ferramenta Anki no Brasil. Artigo este que revolucionou a forma de estudar para concursos.

O Anki é uma ferramenta de “flashcards” (cartões em que de um lado há uma pergunta e do outro uma resposta) voltada às revisões do material estudado. Por meio dessa ferramenta, as revisões se tornam muito mais efetivas e prazerosas.

Assim, a fichas de Direito Constitucional do Vítor Cruz, com a coordenação, expertise e atualização de Diego Degrazia e trabalhos técnicos de importação e revisão para o Anki de Fernando Mendonça, resultou em:

3.069 CARTÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL PARA O ANKI

Perguntas Frequentes

1. O que é o Anki?

O Anki é uma ferramenta gratuita de estudos que utiliza a técnica de “flashcards” (cartões) para auxiliar na revisão de qualquer assunto, seja para o estudo de idiomas, vestibulares, concursos públicos etc. A força do Anki consiste no seu algoritmo de repetição espaçada que, traduzindo de forma simples, facilita as revisões do material estudado de forma a mantê-lo sempre “vivo” em nossas mentes.

2. O que receberei ao adquirir o baralho de “3.069 Cartões de Direito Constitucional”?

Receberá um arquivo compactado no formato “ZIP”, o qual deverá ser descompactado. Uma vez descompactado, surgirá um arquivo no formato “APKG” na pasta em que o arquivo “ZIP” foi descompactado, que deverá ser aberto no Anki — normalmente, basta clicar 2 vezes em cima desse arquivo para o Anki abri-lo, desde que o Anki esteja instalado em seu computador ou celular.

3. O que é preciso ter para poder estudar o baralho de “3.069 Cartões de Direito Constitucional”?

Para abrir e conseguir estudar o baralho do Anki, é preciso instalar em seu computador o programa do Anki. Isso pode ser feito acessando o endereço oficial do Anki, baixando e instalando o software:

https://apps.ankiweb.net/

Também existe a versão gratuita para Celular Android. Basta procurar por “AnkiDroid Flashcards” no Google Play. Há, ainda, a versão para iOS. Todavia, esta, infelizmente, é paga e pode ser encontrada no App Store.

4. Onde aprendo mais sobre o Anki?

O próprio site do Anki é uma excelente fonte de conhecimento, além do Youtube. Todavia, para quem tem dificuldade na língua inglesa, recomendamos acessar os seguintes sites brasileiros:

https://bit.ly/37VUtmk (introdução sobre o Anki)

http://ankiflashcards.com.br/ (tudo sobre o Anki)

5. Ao adquirir o baralho de 3.069 questões de Direito Constitucional, terei suporte à ferramenta Anki?

Não. O nosso foco é no conteúdo do material e não em ensinar a utilizar a ferramenta do Anki. Para aprender mais como o Anki funciona, sugerimos visitar os links indicados no item anterior.

6. O material produzido neste baralho segue as 20 regras de criação de cartões indicadas pelo Supermemo?

Fizemos a migração de todos os cartões de Direito Constitucional do Nota11 para o Anki, verificando cartão por cartão, assunto por assunto, e sempre pensando em obedecer às 20 regras do Supermemo. Este trabalho levou 3 meses para ser concluído e várias fichas do Nota11 foram convertidas em diversos outros cartões menores no Anki, a fim de manter o princípio da “informação mínima”. Todavia, alguns assuntos mais complexos dependiam de uma explicação mais elaborada, fazendo com que alguns poucos cartões tenham um texto um pouco maior. Diríamos que 95% dos cartões seguem as 20 regras do Supermemo.


7. De que forma o baralho contendo as 3.069 questões de Direito Constitucional está organizado?

Está organizado da seguinte forma:

8. Quais tipos de cartões foram utilizados no baralho de Direito Constitucional?
Criamos todos os tipos de cartões possíveis: perguntas diretas, cartões do tipo “certo/errado”, questões de concursos, cartões de múltipla escolha, completar a lacuna, mapas mentais, esquemas gráficos, etc.
Exemplos:

9. Qual foi a condição imposta pelo Vítor Cruz ao permitir a transferência das fichas do Nota11 para o Anki?

Ao ceder todo o material de Direito Constitucional do site Nota11, o Vítor Cruz (autor original) fez as seguintes exigências:

1. Manter o alto padrão de qualidade do Nota11 no baralho do Anki;

2. Oferecer o material a preços justos e acessíveis, pois conhece bem a realidade dos concurseiros e sempre ofereceu materiais de qualidade a preços módicos e realistas.

10. Qual foi a participação do Vítor Cruz na criação deste material?

O Vítor apenas cedeu todo o seu legado do Nota11 ao Diego de Grazia. Todo o trabalho foi feito por Diego Degrazia e Fernando Mendonça. O Vítor não teve nenhuma participação direta neste trabalho. Assim, não compete a ele prestar nenhum suporte ou responder a nenhuma dúvida a respeito deste material.

11. Os materiais dos outros cursos e PDFs do Vítor Cruz também foram adicionados neste baralho?

Não. Todas as fichas de Direito Constitucional do Nota11 foram convertidas para o formato do Anki. Nenhum PDF ou material de qualquer outro curso lecionado pelo Vítor a outro cursinho preparatório faz parte deste baralho. Todavia, é possível que no futuro sejam lançados novos materiais a partir de alguns PDFs do Vítor Cruz.

12. Os demais cursos do Nota11 irão ser convertidos para o formato do Anki?

Tudo isso dependerá da receptividade de vocês acerca deste material. Foi útil? Fez diferença em seus estudos? Valeu a pena estudá-lo? Dê-nos um “feedback” a respeito disso, por favor.

Nosso objetivo maior é oferecer material de qualidade aos estudantes para concursos públicos. Enquanto este objetivo estiver sendo cumprido, nós estaremos contribuindo para a aprovação de vocês!

13. Posso compartilhar este material com outras pessoas?

Acima de tudo, também somos concurseiros e sabemos bem como funciona esse meio. Não cabe a nós dizer: faça isto ou faça aquilo! O rateio e a pirataria existem e estão presentes no meio dos concurseiros. Nada, nem ninguém, mudará esse fato.

Investimos tempo e recursos para trazer o que há de melhor do Direito Constitucional para vocês. Adicionamos “marcas d’água” no material, de forma a manter sempre a referência aos autores deste material. Mas nada disso segura o ímpeto do “rateador” ou do “pirata”.

Então… que a consciência, a moderação e o bom senso sejam os juízes de cada um que adquirir este material. Não perderemos nosso tempo processando ou indo atrás de ninguém. Apenas deixaremos de lançar novos produtos, caso percebamos que nosso trabalho foi em vão ou que houve desrespeito ao legado do Vítor Cruz.

14. Onde encontro o Diego e o Fernando para tirar dúvidas quanto ao conteúdo do material?

O Diego pode ser encontrado no grupo dele do Facebook. O Fernando também está nesse grupo e pode ser contactado, ainda, por meio do Instagram (@concurseirotroiano) ou pelo seguinte endereço de e-mail: devoltaaprancheta(@)gmail.com.

De qualquer forma, uma das vantagens do Anki é permitir que façamos nossas próprias alterações nos cartões. Assim, caso encontre algum erro de digitação ou de conteúdo, você mesmo pode fazer as devidas correções ou ajustes.

Link para o material

https://go.hotmart.com/P18694696V

 

Obrigado pela confiança! Bons estudos!

 

Diego Degrazia e Fernando Mendonça