Crase Sem Crise

mandamentos-da-crase

(clique aqui para visualizar a imagem no tamanho original)

Fala, galera esperta! Tudo bem com vocês? Espero que estejam firmes nos estudos!

Atendendo a quase 3 pedidos, o Guerreiro Akilez está de volta! Desta vez, mais forte do que nunca! Muitas experiências foram adquiridas no período em que estive ausente do blog, mas o importante foi continuar firme nos estudos e cumprindo minha meta! Espero que vocês também estejam empenhados em seus objetivos! A luta nunca foi e jamais será fácil!

Agradeço de coração pelos e-mails de incentivo e apoio enviados por alguns colegas! Muito obrigado pelas palavras de encorajamento e pela troca de experiências com vocês! É um prazer conhecer guerreiras e guerreiros tão dedicados e motivados! Como muitos já sabem, estou me aventurando agora no mundo do Instagram. Engatinhando ainda, mas é assim mesmo! Quem quiser me seguir por lá é só clicar aqui: @concurseirotroiano.

Hoje vamos tentar falar sobre o sinal indicativo de crase. Temos visto muitos concurseiros por aí com dificuldades nesse assunto. Quando escrevemos o post sobre o Anki, nós prometemos disponibilizar um deck do Anki só com cartões sobre o emprego do sinal indicativo de crase.

Poderíamos simplesmente disponibilizar o deck do Anki contendo esses cartões, mas, infelizmente, o que vem fácil não é valorizado. Além do mais, estávamos com uma saudade enorme de voltar a escrever alguma besteirinha aqui no blog. Então vamos falar, ao menos, sobre o básico do básico no que diz respeito ao sinal indicativo de crase.

(Poxa, Akilez, você fica uma eternidade sem aparecer — não envia um e-mail, um cartão de natal, um sinal de fumaça — e agora me vem falar de crase? Ah Akilez… eu esperava mais do seu potencial, sinceramente. Esperava falar sobre assuntos complexos como a tramitação das proposições legislativas, sobre jurisprudência avançada do STF, etc. Mas você me aparece com a tal da crase? Que decepção! E outra.. crase é muito fácil: é só usar aquele macete infalível de trocar o “a” + palavra feminina por “ao” + palavra masculina, ou cantar aquela musiquinha “vou a… volto da… crase há!”, “vou a… volto de… crase pra quê?” e correr para o abraço! Vou embora depois desta! Você já foi melhor!).

Calma, jovem gafanhoto!!! Primeiro tente resolver os seguintes desafios:

Questão 01

[CESPE – FUB/2014] No trecho “Desde 2012, o número de trabalhadores pouco escolarizados diminuiu, mas os indicadores apontam para o fato de que a escolarização ainda continua sendo muito precária, insuficiente para atender à demanda cada vez maior das indústrias (…)”, a eliminação do sinal indicativo de crase em “à demanda” prejudicaria a correção gramatical do texto.

Questão 02

[FCC – TRE-AM/2010] Sem nada perguntar …… ninguém, o rapaz dirigiu-se …… um canto da sala, …… espera de ser chamado pela atendente.


a) a – a – a.
b) a – a – à.
c) a – à – à.
d) à – à – a.
e) à – a – a.

Questão 03

[DVAP/2019] No trecho “é preciso declarar guerra à guerra”, há uma incorreção gramatical acerca do emprego do sinal indicativo de crase.

(Todas essas questões são muito fáceis, Akilez! Moleza total! Lá vão as respostas: Questão 01: o gabarito é CERTO, pois há prejuízo gramatical ao trocarmos “à demanda” por “a demanda” (sem crase). É só usar o macete de trocar por palavra masculina. Nesse caso, “(…) atender ao pleito“. Se pediu “ao”, no masculino, é porque irá pedir “à” se a palavra for feminina. Logo, gabarito CERTO; Questão 02: o gabarito é a alternativa “A”, pois “ninguém” e “um canto” são palavras masculinas e no caso de “espera”, podemos trocar por “momento” (palavra masculina), ficando “o momento” e não “ao momento“. Logo, não há crase! A-ha! Fácil demais! Questão 03: essa é a mais fácil de todas. A resposta é CERTO, pois não se emprega crase em palavras repetidas! Simples assim!! Nota 10 para o gafanhoto aqui!!! Bingo!)

Nunca li tanta besteira na minha vida, jovem gafanhoto! Você errou tudo! Nota zero!

Os gabaritos dessas questões estão lá no final do post, para não correr o risco de alguém “colar”.

(Puxa, Akilez! Então é melhor eu pegar meu caderninho e anotar tudo o que você vai dizer, pois “deu ruim“! =/)

Vamos nessa, meu jovem, que eu te conto tudo no caminho…

Corrigindo Vícios

Primeiramente, vamos combinar o seguinte: a partir de agora seja um(a) concurseiro(a) elegante e nunca mais diga que “há crase em determinada frase” ou “eu não entendo essa tal de crase; não entra na minha cabeça esse assunto”. Se continuar chamando o sinal indicativo de crase de “crase“, realmente ele nunca entrará na sua cabeça, ok?

(Beleza, Akilez! Mas só para lembrá-lo que, no título do post, está escrito “Crase sem Crise” e não “Sinal Indicativo de Crase sem Crise”!)

É verdade, Olhos de Thundera! A gente pode falar, e até escrever errado, mas devemos saber que o correto é “sinal indicativo de crase”, ok? Mas isso é o que menos importa aqui!

Conceitos Básicos Sobre A “Crase”

A crase é simplesmente um fenômeno (catastrófico, Akilez?) que ocorre quando duas vogais idênticas se encontram pelos caminhos da vida textual (se você não leu o segundo “t” e trocou o primeiro “t” por “s”, então você tem um problema sério e recomendo tratamento urgente!). Logo, o “fenômeno da crase” é uma “soma”, digamos assim, de “a” + “a” = à. Esse acento (“`“) é chamado de “acento grave” e indica a ocorrência do fenômeno da crase. Em regra, o primeiro “a” será quase sempre uma preposição. Já o segundo “a”, poderá ser um artigo ou um pronome (demonstrativo ou relativo).

Exemplificando melhor:

(Estou gostando, Akilez! E anotando tudo! Prossiga! Entendi tudo até agora sobre “o sinal indicativo de crase”! Que chique!) 🙂

Com o que foi apresentado acima, complementado com este Mapa Mental, o curso básico sobre “crase” está completo! =)

Akilez Voltou Rebelde

Agora que já conhecemos o mínimo necessário para sobreviver no “mundo da crase”, vamos ao que interessa. Poderíamos discorrer sobre os aspectos avançados da “crase” neste post, mas quer saber? Ninguém ler post hoje em dia. Ainda mais os meus que são longos! Estou bem ciente disso! kkk

(Ta aí, Akilez… que bom que você se tocou quanto a isso! Sempre quis te dizer isso, mas ficava meio sem jeito, para não ferir seus sentimentos, mas vc precisa pegar leve nos posts hehehe!)

Pois é… só que agora o tom da música mudou… o “Akilez Bonzinho” não existe mais! Aliás, até existe, mas agora nosso lema é o do Tropa de Elite (caveira, meu capitão!): “para eu te fazer sorrir, você também precisará me fazer sorrir!“. E funciona mais ou menos assim…

O que temos para vocês é isto: um deck (baralho) do Anki com mais de 120 cartões sobre o uso do sinal indicativo de crase. Todos os cartões são comentados. É praticamente um “Curso Básico de Sinal Indicativo de Crase” feito com o padrão de qualidade do Concurseiro Troiano! Tudo isso para vocês simplesmente detonarem em “crase”!

Segue um gostinho do que temos reservado para vocês:

Os Mandamentos da “Crase” estão no Deck

anki-crase-01

Os Conceitos Básicos sobre “Crase” Não Ficaram de Fora!

anki-crase-02

Questões Com Comentários Pontuais

anki-crase-03

Acertaria Esta?

anki-crase-04

E Esta, Acertaria?

anki-crase-05

Vai “Crase” antes de “Casa”? Em quais situações?

anki-crase-06

Estas vou deixar para vocês tentarem!

anki-crase-07

anki-crase-08

anki-crase-09

anki-crase-10

E então, curtiram?

(Curti muito, Akilez!!! Tá vendendo por quanto esse deck? Haverá promoção para a galera das antigas?)

Que nada, meu caro visitante das galáxias! Fizemos esse deck com todo o carinho do mundo para vocês! Nada de venda!

Só pedimos uma única ajuda: que nos siga no Instagram (@concurseirotroiano) e que divulgue nosso trabalho para seus amigos(as) concurseiros(as). Nada além disso.

Vamos começar na humildade: assim que batermos 500 seguidores no Instagram, o deck estará prontinho para ser baixado aqui. Até lá, contamos com a ajuda de vocês! =)

Dessa forma, todos, no final, vão sorrir! =)

Não fiquem com raiva de mim. Tudo isso é ideia do meu diretor, o Aghamenon. Ele andou fazendo um MBA em “Marketing Digital” lá no interior do Goiás e está cheio de “ideias geniais” para os “business“, como diz ele. Quero só ver! kkk

A verdade é muito simples: o que vem fácil as pessoas não valorizam! Sabe quantas vezes a Planilha de Estudos para o Senado Federal (Analista) já foi baixada desde quando foi lançada? Mais de 5.000 vezes. Quantos comentários tivemos por lá? Não chega a 30! Isso não é nem 1% da quantidade de downloads.

Não estamos “magoados”, nem nada. Apenas passamos a valorizar mais o nosso trabalho. Estamos resistindo ao máximo a “pressão do sistema”, mas, se tudo mais falhar, a gente será obrigado a fazer igual muita gente anda fazendo por aí: criar sites para vender nossos decks. Só que com uma diferença: nossos decks são diferenciados! Quem já viu sabe do que estamos dizendo! =)

Então é isso… nos ajudem a ajudá-los! Nada além disso! Inclusive, de uns tempos para cá, temos recebido diversos pedidos de pessoas (a maioria vestibulando, universitários, principalmente na área de medicina, pessoas se preparando para o exame da OAB) para importarmos cartões para o Anki. Fazemos isso com todo o prazer, mas, ao menos, em troca, dê-nos uma força! Indique, por favor, nosso trabalho para seus conhecidos. Indique, por favor, este blog, nosso IG, etc. É o mínimo que pedimos. Nada além disso! Vamos crescer juntos!

Bons estudos a todos!

Deixe-nos sua opinião nos comentários! Solte o verbo, pessoal! kkk

Akilez e sua Tropa de Elite!

Gabaritos dos Desafios do Início do Post

Gabaritos: Questão 01 = ERRADO; Questão 02 = B; Questão 03 = ERRADO.